sexta-feira, 27 de novembro de 2009

O baiano e o estrangeirismo

Música muito interessante e divertida de autoria de Carlos Silva e Sandra Regina, que fala sobre o estrangeirismo que cada dia mais invade nosso país.






Não há como fugir totalmente dos termos estrangeiros, mas tudo demais é sobra! Tem gente que quase nem fala mais português. É uma mistura besta de idiomas só para mostrar que é esperta! E muitos se esquecem que a grande maioria dos brasileiros não conhece outra língua.

Mas existem algumas expressões em inglês, por exemplo, que o equivalente em português fica esquisito ou mais complicado de dizer. E é por esse motivo que algumas palavras acabam se "aportuguesando" e passando a fazer parte do nosso dicionário.

O que não dá é ficar valorizando demais o que vem de fora e esquecendo o que temos de bom e de nosso por aqui.

Isso me lembrou a música "Nóis é jeca, mas é jóia":

"Se farinha fosse americana
Mandioca importada
Banquete de bacana
Era farinhada!"

Siga-me no Twitter e fique por dentro das novidades!

21 Comentários:

Cão Pelado disse...

Interresante mesmo, apesar de um pouqinho exagerado...rs

Passa lá e comenta tb:
http://caopelado.blogspot.com/

Anônimo disse...

Parabéns aos criadores da letra cada dia que passa nosso país incorpora costumes que não é nosso, e utiliza outras linguas e o povo tem que aceitar, é comum em shoppins e qualquer letreiro nomes e termos em outras linguas, acho um absurdo, que este vídeo sirva d eum alerta para esta prática contra nossa lingua mãe

BLOGdoRUBINHO
www.blogdorubinho.com.br
www.twitter.com/rubenscorreia

Arnek disse...

Acho que temos e valorizar a cultura brasileira mas tem horas que não tem como fugir


http://midiasocialbrasil.blogspot.com/

Guilherme Bayara disse...

Eu tenho essa música no meu computador.

Temos que valorizar mais a nossa língua, realmente. Mas tentar fugir de palavras estrangeiras para dizer que estamos valorizando o português é hipocrisia, vivemos em um mundo globalizado.

Mas atualmente no Brasil não se utiliza expressões estrangeiras por simples globalização e sim por razões fúteis.

Suzi Silva disse...

Legal o video!!Sou baiana tambem, realmente as vezes não tem como fugir do estrngeirismo!!Mas tambem não acho que essa influencia vai fazer com que a lingua materna se perca, as raizes são muito fortes.

♰'Verônica Barboza disse...

muito boom!

30 e poucos anos. disse...

A música é show de bola...
Parece que os marqueteiros brasileiros acham que incluir palavras e expressões em Ingles vai ficar mais chique ou chamativo.


Seu post estará linkado no domingo no blog 30 e poucosanos no post links da semana.

Alcione Torres disse...

Muito obrigada!!

Ebrael Shaddai disse...

Pois é, esses dias tava vendo um vídeo de um curso de como assaltar em "ingrês", para assaltantes e quadrilhas - curso profissionalizante...

Garanto que esse tipo de "curso" é mais procurado que os gratuitos para pedreiro ou padeiro...

E o portunhol hem??? kkkkkkkkkkkkk

Bjs!!

Manoel Leonam disse...

Estrangeirismo é normal, as línguas se criam assim

Conspiração Ideológica disse...

Muito interessante.. Impoortamos tudo mesmo dos EUA... Aliás eu blog é divertidíssimo, estou ´preso´ nele já há algum tempo... Parabéns!!! Vou seguir e, peço permissão para colocá-lo na lista do meu blog, como blog de interesse...

Abraços!

Bertonie disse...

UHUASHAUSHAU
Pior que é um caminho sem volta.
Essa tal de globalização vai acabar fazendo com que o português acabe mudando-se para a "modernidade exagerada"

Alcione Torres disse...

Conspiração Ideológica

Não consegui comentar no seu blog, pois você pede confirmação por letras e está dando problema.
Obrigada pela visita!
Que bom que você gostou do meu blog. Claro que pode colocar o link no seu blog. Colocarei o link do seu aqui no meu também.
Abraços.

Annie Farokh disse...

É... Com a Globalização às vezes fica difícil fugir do estrangeirismo. Concordo também que tem gente que exagera MUITO mesmo, e às vezes nem precisa ser só para se achar melhor do que os outros...
Um ótimo texto! E o vídeo tmb!

luciana disse...

hahhaa, ja conhecia essa musica, acho que o amigo que me apresentou sabe o cantor. depois lhe passo.

Verdelone disse...

ahauaauahauaha
Não conhecia essa...
Vou copiar e ainda vou publicar no meu blog tb
SENSACIONAL....
Abçs
CIA DOS BOTECOS - www.ciadosbotecos.blogspot.com

Rubens disse...

Não sou muito contra estrangerismos, mas tem hora que o pessoal passa do limite. por exemplo, qualquer curso hoje em dia não tem mais pausa pro café, tem "coffee break". Precisava disso?...

Edegard disse...

Amigo
Essa é genial..adorei. A sátira é correta e muito engraçada apesar da triste realidade dos fatos. Valeu mesmo...
Um grande abraço

Alcione Torres disse...

Rubens

É exatamente esse tipo de exagero que incomoda.

seuvicio disse...

Tenho um texto sobre o assunto também, esse:

"Florestópolis:

Os estrangeirismos na língua brasileira estão atingindo níveis nunca dantes sequer imaginados.

Ontem mesmo, caminhando por ermo bairro da cidade, deparei-me com estranha placa, em cujos dizeres constava o nome da rua como Floresto-police.

Uma tal americanização, que chega a patamares ameaçadores até para nossa já tradicional engregação linguística."

O enfoque é ligeiramente diferente, como pode-se perceber.

Nanuni Kokoritu disse...

Muito bom o vídeo!

Postar um comentário

Os comentários somente são publicados após moderação.
A partir de 11/02/2010 os comentários ANÔNIMOS serão todos REJEITADOS e sequer serão lidos.

Related Posts with Thumbnails

Seguidores

Comentários recentes

Twitter

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO